sábado, 29 de dezembro de 2007

Como é que perdemos?

Continuo sem compreender esta triste sina de perdermos tantos jogos com o Sporting no futsal. Foi em Loures, para o campeonato e agora também para a Taça, no nosso próprio pavilhão. Somos melhores, sem dúvida. Jogámos o melhor que sabíamos, sem dúvida. E sem dúvida que João Benedito é o melhor guarda-redes de futsal que já vi jogar.

O Sporting, como sempre, jogou com o autocarro à frente da baliza de João Benedito, que fez uma exibição irrepreensível. Vinte e uma defesas! Não me enganei. 21! Grande parte delas com um elevado grau de dificuldade. E a juntar a isto há ainda os malditos postes (qual Benfica x Boavista em futebol!). Foram mais dois remates nos ferros, sem contar com aqueles que passaram a rasar os postes ou a barra. O Sporting foi à baliza de Zé Carlos umas seis vezes e conseguiu dois golos. Enfim...

Mas continuo com a firme opinião que o Benfica pode e vai conseguir conquistar o campeonato, pois tem melhor equipa. A Taça? Paciência! Que ganhe outro que não o Sporting. O jogo de hoje serviu para mostrar que só faltam duas coisas: um banco de suplentes à altura dos titulares e a presença de Adil Amarante no banco. É pena, pois o brasileiro faz mesmo falta.


Ficha de jogo

Taça de Portugal - 2ª eliminatória
Pavilhão Açoreana Seguros, no Estádio da Luz, Lisboa
Árbitros : Pedro Paraty e Abílio Bessa (AF Porto)

SL Benfica

Zé Carlos (cap.); Zé Maria, Pedro Costa, Arnaldo e Ricardinho
Jogaram ainda: Gonçalo Alves e Sidnei
Treinador: Nelito

Sporting CP

João Benedito; Bibi, Davi, Alex e Nenê
Jogaram ainda: Zezito (cap.), Café
Treinador: Paulo Fernandes

Disciplina: Cartão amarelo a Nenê (27 min), Davi (35 min) e Pedro Costa (40 min)

Marcadores: 0-1 por Café (32 min), 0-2 por Alex (37 min)

Assistência: 2000 espectadores

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Saem 8

Depois das devidas, mas se calhar, não merecidas, férias natalícias, o Benfica regressou aos treinos no Seixal com uma nova imagem: dos 30 jogadores que compunham o plantel antes da paragem no campeonato, 8 foram ou irão para outras bandas espalhar o perfume (ou não) do seu futebol.

O trio vindo da equipa sub-19 composto por Miguel Vítor, Romeu Ribeiro e Yu Dabao vai actuar por empréstimo na Liga de Honra, mais precisamente no Desportivo das Aves, onde irão adquirir maior capacidade competitiva, mais experiência e terão certamente mais minutos de jogo. Até já têm uma missão: eliminar o FC Porto da Taça de Portugal. Oxalá sejam bem sucedidos. Fábio Coentrão também vai ser emprestado a um clube da bwin Liga, o Nacional, onde não há muitos jogadores que façam a função de extremo-esquerdo. Se Jokanovic entender que os insulares necessitam de alguem para aquela posição, então o Fábio terá bastantes oportunidades para mostrar o que vale.

Zoro, Bergessio e Andrés Diaz têm os dias contados no estádio da Luz. Nenhum deles nos convenceu a nós, adeptos, nem o próprio treinador, Camacho. Receberam todos guia de marcha, regressando apenas a 2 de Janeiro, sinal claro de que não fazem parte dos planos do murciano. Zoro irá, em princípio, ajudar a afundar a equipa francesa do Metz, já última classificada da Ligue 1. Bergessio, ao que parece, tem convites para regressar à Argentina, podendo jogar no San Lorenzo, no Independiente ou até no River Plate. Desde que paguem o que demos por ele, por mim o avançado argentino pode sair. Andrés Diaz é o menos falado dos três e a imprensa ainda não noticiou qualquer tentativa de compra por parte de um clube.

Miguelito é o oitavo jogador a fazer as malas. Foi hoje noticiado que o defesa esquerdo está de partida para o SC Braga a título definitivo. O jogador contratado ao Nacional chegou rotulado de grande promessa e excelente lateral que poderia competir com Léo, mas o tempo deu razão aos mais cépticos e Miguelito não conseguiu provar as qualidades que a imprensa lhe atribuiu. Que seja bem sucedido.

O grande problema do Benfica é este mesmo: mandam-se vir jogadores às pazadas para depois dispensar grande parte deles em Janeiro. Assim é impossível um plantel ter tranquilidade e condições para trabalhar, por muito bom que seja o treinador. Janeiro poderá ser mais uma pré-época, infelizmente. Melhores dias virão.

Só para relembrar...


Só para (re)lembrar que no próximo sábado, pelas 15h 20min se disputa no pavilhão da Luz um importante derby entre Benfica e Sporting para a Taça de Portugal. Depois do desaire no pavilhão Paz e Amizade em Loures é importante mostrar todo o apoio à nossa equipa. Vamos apoir os atletas!

terça-feira, 25 de dezembro de 2007

A melhor prenda de Natal



Obrigado, Pai!

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

Disparates atrás de disparates - Versão Rui Santos

O autor da proeza é Rui Santos, comentador do Tempo Extra, programa da SIC Notícias. É verdade que Rui Santos até pode ser querido para alguns dos membros da blogosfera, pois divulga alguns blogs, mas, para mim, não passa de um Farnerud em termos de comentador. Ou um Paredes, vá.

A pérola que Rui Santos nos deixou ontem foi mais um comentário acerca do momento do Benfica. Criticou Rui Costa mais uma vez (um dos seus ódios de estimação) e logo de seguida disse isto (que até passou em rodapé):

Há jogadores que aparentam estar fartos da camisola do Benfica

Se há uma coisa da qual eu não duvido, para além da incompetência deste comentador, é do brio e profissionalismo dos três jogadores que RS pôs em causa: Luisão, Petit e Nuno Gomes. Luisão dá o "murro na mesa" sempre que é preciso, Petit é o exemplo da raça e do jogar à Benfica e Nuno Gomes, pelas suas atitudes enquanto excelente profissional que é também tem o "cadastro" limpo. Mais um comentário descabido e impróprio.

Não satisfeito com a situação do Benfica, RS inicia depois o seu ataque a LFV. Fala dos sucessivos erros da direcção do Benfica nesta época (o que até é verdade), mas depois começa a falar de eleições e nos possíveis sucessores de Vieira. Dá nomes como Rui Costa, Fernando Seara e Bagão Félix. Em primeiro lugar, julgo que ainda faltam dois anos para as eleições, pelo que falar neste assunto é, no mínimo, prematuro. Segundo, não concordo com nenhum dos nomes anunciados. Rui Costa porque não tem experiência enquanto dirigente. Fernando Seara e Bagão Félix por não possuírem conhecimentos profundos acerca do futebol, além de serem personalidades demasiado expostas aos media.

O que vale é que é Natal, e em tempo de quadras festivas, eu costumo fazer orelhas moucas a este tipo de comentários. A todos os leitores do blog e aos benfiquistas, desejo um FELIZ NATAL e um óptimo ano de 2008.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Mercado de Janeiro

Desde que chegou a Valência, Ronald Koeman tem-se deparado com sérios problemas no balneário da equipa ché. Como o holandês não é homem de meias-medidas, parece que em Janeiro, devido à fraca produtividade de muitos jogadores, vai haver uma grande razia de bons jogadores da equipa espanhola. Jogadores como Manuel Fernandes, Zigic, Angulo, Vicente, Albelda, Cañizares têm, segundo o holandês e os periódicos vizinhos, porta aberta para sair do Valência.

Cañizares é guarda-redes e tem 37 anos, Albelda, médio-defensivo tem 30, Angulo, avançado que gosta de jogar sobre a direita tem 30 também, Manuel Fernandes, médio-defensivo tem 21, Vicente, extremo-esquerdo tem 26 anos e Zigic, com 26 anos também é um avançado que mede mais de 2 metros.

Todos estes jogadores são chamados com regularidade às suas selecções, e eu, que os conheço minimamente bem, sei que qualquer um deles teria lugar no onze do Benfica.

Camacho é um conhecedor do futebol espanhol e Ronald Koeman já foi treinador do Benfica...

Espero que em Janeiro tenhamos boas notícias.

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Ainda Belém...

Muita coisa se passou nos últimos dias. Contratações de pseudo-jogadores, pseudo-contratações de jogadores, chegada de miúdos do Brasil, intestinos argentinos, enfim, o Benfica está em roda viva, no que toca ao mercado de transferências. É pena que no campeonato continue a afundar-se. O jogo do Restelo é um bom exemplo disso mesmo.

Cerca de 9ºC num estádio frio e sem condições higiénicas nenhumas. Sentado num banco, entre belenenses e benfiquistas, depois de ter pago 25€ por um bilhete, esperava ver um bom jogo de futebol com a vitória do Benfica. A partir dos vinte minutos percebi que estava enganado. Pálida exibição do Benfica frente a um Bélem empenhado mas relativamente mediocre. Do outro lado do estádio, o porta-voz da claque do Restelo continuava a berrar ao microfone para a instalação sonora "Belém, Belém!" e o outro cântico muito famoso entre os adeptos das equipas pequenas em Portugal, nomeadamente as que equipam de azul.

Não jogámos nada.

Cardozo mantém-se uma nulidade quando está sem um outro ponta-de-lança ao lado. Maxi Pereira fez outra exibição a rasar a nota 0. Katsouranis continua em péssima forma (eu, mesmo sem gostar muito do Bynia, acho que o camaronês faz mais falta que o grego neste momento).
Salvou-se o Maestro de um naufrágio total com a sua habitual entrega, e pouco mais.

O discurso do salir a ganar é muito bonito, mas a equipa tem de encarnar esse mesmo discurso. Não pode ficar à espera que as coisas aconteçam, como já vem sendo hábito. Perdemos e perdemos bem. Estamos agora a 10 pontos do líder com meio campeonato pela frente. É ter paciência e continuar a lutar, pois este Porto ainda vai perder 10 pontos até final do campeonato. Palavra.

Sobre o Blog

De um benfiquista para os benfiquistas. Este é um blog para todos os que, diariamente vivem e respiram Benfica. Viva o Sport Lisboa e Benfica!

Visitantes



  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP